sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Empresa recolhe óleo vegetal usado, ajuda instituição de câncer infantil e preserva meio ambiente


Firma faz coleta de óleo usado em bombonas de 50 litros

Foi realizada nesta quinta-feira, no Hospital Moacyr do Carmo, a primeira entrega simbólica de óleo vegetal usado para a empresa MBR Materiais Recicláveis, que reverte a verba conseguida com a venda desse resíduo para a Casa Ronald McDonald, que cuida de crianças com câncer.

A firma recolhe o óleo usado em praticamente todos os restaurantes da rede McDonald’s nos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo e revende o produto para empresas fabricantes de sabão e detergentes. Segundo o diretor executivo da MBR, Maurício Braga Rocha, a empresa espera recolher 100 litros de óleo comestível usado por mês. Ainda de acordo com Maurício, a MBR fará a coleta de óleo vegetal do Hospital Infantil.
Maurício Braga Rocha, da MBR, e o diretor administrativo do Hospital Moacyr do Carmo, Pierre Carvalho

O diretor administrativo do Moacyr do Carmo, Pierre Carvalho, disse que a iniciativa de doar o óleo usado pela unidade hospitalar é a precursora da “adequação do hospital às normas em geral, inclusive as ambientais”. “Esse é o início da reestruturação de procedimentos do hospital, a começar de janeiro de 2010”, acrescentou.

Também estiveram presentes à entrega do óleo o coordenador do Polo de Ciência e Tecnologia de Duque de Caxias, Daniel Alves Pena, e o coordenador da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Abastecimento (SMMAAA) Aldair Alves de Souza.
Aldair de Souza, da SMMAAA, Maurício Rocha e Pierre Carvalho
A MBR recolhe óleo em bombonas de 50 litros, e quem quiser entrar em contato para doar óleo à empresa pode entrar em contato pelos telefones 2676-4624 e 3654-3128.
Texto e fotos: Willy Rangel

2 comentários:

  1. OLA BOA NOITE
    SOU DE SAO PAULO E INICIEI UM TRABALHO DE COLETA DE OLEO VEGETAL,MAIS PRESCISO DE INFORMAÇOES DE COMO SEPARAR AS IMPUREZAS PARA COMERCIALIZA-LO
    OBRIGADO

    LUIS COSTA

    RESP. costatra@yahoo.com.br por favor

    ResponderExcluir
  2. Ola boa tarde.
    sou do Rio de Janeiro e sempre separei o óleo usado e doava para paróqiuia que eu frequento, mais esse mês quando eu fui levar o meu óleo fiquei sabenso que elas não vão aceitar mais.
    Fiquei preocupada, por que eu não quero jogar esse óleo no ralo, concordo que não é muito no máximo dois litros por mês, isso se eu usar a fritadeira.
    Mais mesmo assim eu me preocupo em jogar esse pouco na natureza.
    Por favoe me informe por email aonde eu posso levar esse óleo.
    Meu email ( egnalossousa@gmail.com).
    Obrigada.

    ResponderExcluir